terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Quando o filme de suspense tem mesmo final surpreendente

terça-feira, 2 de dezembro de 2014


"O Corpo" me deixou realmente surpreendida. Raramente um filme de leva a tensão até o final sem decifrar como o longa irá terminar. A história é sobre o sumiço do corpo de Mayka Villaverde (Belén Rueda) do necrotério. A única testemunha sobre o que aconteceu é um guarda que foi atropelado e está inconsciente. Enquanto começam a investigação sobre porque alguém iria sequestrar um cadáver, descobrimos que o marido de Mayka tem certa culpa no cartório.

O enredo se passa durante uma madrugada, a noite do sumiço, e segue o marido, que começa a ficar psicótico sobre a morte da esposa. O mais legal do filme é que você descobre as coisas junto com os personagens, o telespectador não é onisciente como em diversos filmes, descobre ao longo do caminho e vai adquirindo as paranoias do marido. Li algumas críticas sobre pessoas achando o filme exagerado, dramático, novela mexicana. Não sei se essa opinião é pelo idioma espanhol (o longa é da Espanha) ou pelas atuações que são apenas ok, sem nenhum brilho. Vale a pena para fugir um pouco do cinema dos Estados Unidos e para ver se adivinha ou não o final:

Como todo bom filme que não é falado em inglês, "El Cuerpo" irá ganhar remake em Hollywood. A responsável é a Rodar y Rodar, que vem produzindo longas de suspense/terror sucesso de bilheteria na Espanha. Ainda não se sabe qual é o novo elenco ou a data de lançamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários

Coisas Infinitas © 2014